na cabeceira ~ preces e mentiras


Coracionadíssimo esse livro!!!  A demora para terminar de ler foi pura e exclusivamente por causa do tempo que está curto. Ah e essa também é a capa mais linda de todos os livros que eu tenho. Amei!

---------------------------------------------------------------------------------------------------------
aqui no cadê minha fluoxetina??, a tag Na Cabeceira é utilizada na postagem das minhas resenhas literárias. sejam estas dos livros que eu amei e recomendo ou mesmo daqueles que eu não gostei tanto assim. 
----------------------------------------------------------------------------------------------------------

    Livro:  Preces e Mentiras



Autor: Sherri Wood Emmons
Editora: Novo Conceito
Avaliação:     


Preces e MentirasQuando Bethany, de 7 anos, conhece sua prima de 6 anos, Reana Mae, é o começo de uma relação desajeitada que salva ambas de uma solidão profunda. Todo verão, Bethany e sua família vão de Indianapolis para West Virginia’s Coal River Valley. Para a mãe de Bethany, essas viagens até lá a lembram de sua infância pobre e composta por minas de carvão, um lugar do qual ela desejou escapar. Mas seus amados familiares e a amizade de Bethany e Reana Mae continuavam trazendo lembranças. Mas conforme Bethany cresce, ela percebe que a vida nessa comunidade pequena e unida não é tão simples quanto pensava... que as cabanas na beira do rio, que guardam muito da história de sua família, também geram fofocas escandalosas... e aqueles mais próximos a ela guardam segredos inimagináveis. No meio das florestas densas e da beleza silenciosa do vale, esses segredos estão finalmente sendo revelados, com uma força suficientemente devastadora para acabar com vidas, fé, e a conexão que Bethany pensou que duraria para sempre.

Sim, comprei pela capa! rs Acho que muita gente deve ter feito isso, comprado esse livro em especial por causa dessa capa linda! Há quem diga que ela é um tanto quanto assustadora (não é mesmo, Marina?? haha), mas eu me encantei logo à primeira vista.

Pois bem, seguindo aquela minha estratégia de não ler nem a sinopse do livro, para não perder o encanto, mergulhei de cabeça na história logo nas primeiras páginas. Não sabia nada a respeito do livro, a não ser a referência da T. Greenwood, estampada na capa. Enfim, foi a melhor coisa que fiz!

Preces e Mentiras é um livro esplêndido. Em uma linguagem simples pela visão de uma criança, somos levados de volta a infância. A nostalgia é algo palpável em cada página desse livro, me senti como se estivesse dentro da história, vivendo cada acontecimento ali em West Virginia ou Indianápolis.

A história é contada por Bethany, inicialmente com 7 anos, quando conhece sua prima Reana Mae, 6 anos. Bethany mora com seus pais e três irmãs em Indianápolis. Todo verão eles visitam Coal River, West Virginia, lugar onde os pais passaram a infância e onde muitos dos familiares ainda residem, inclusive Reana Mae e seus pais.

Coal River é um local cercado de segredos e mistérios, que aos poucos, no decorrer das páginas, vão se revelando. São tantos os acontecimentos que em certos momentos parece impossível que algo mais absurdo pode acontecer, são várias as surpresas presentes numa história tão instigante.

O livro nos proporciona vários tipos de sentimento. Tristeza, dor, compaixão, alegria, ódio. Sim, muito ódio da Tracy!! rs Tracy é irmã de Bethany e é o demônio em pessoa. Dissimulada, fria, aterrorizante. Por outro lado, Bethany se mostra a personagem mais sensata de toda a trama. Nunca em nenhuma história eu vi um personagem tão bem estruturado e descrito. Se bem que todos são muito bem descritos, Helen, Belle, Reana Mae e a própria Tracy. Sherri caprichou nos detalhes e nos presenteou com vários personagens dignos de aplausos em uma história digna dos próprios personagens que tem.
..parecia que meu coração se partiria em mil pedaços enquanto pensava pelo que minha mãe deveria estar passando.. eu sabia que deveria rezar por ela.. mas não consegui. que bem uma prece poderia fazer, afinal?.. que tipo de Deus era aquele que permitia que minha mãe ficasse tão magoada? não, eu não rezei. só fiquei em silêncio por um bom tempo. (p. 269)
T. Greenwood disse que que Preces e Mentiras é "uma análise tocante de todos os tipos de amor: entre amigos, entre irmãs e entre todos de uma família" e ele é mais que isso. Esse livro nos faz repensar toda nossa vida. Como temos agido em relação a todos com quem convivemos, como às vezes privamos o outro da verdade quando talvez não fosse o melhor a ser feito.

O final para mim foi brilhante. Eu não imaginei que pudesse acontecer tanta coisa em tão pouca página. Eu já estava acabando o livro e ainda tinha muita surpresa por vir. Eu colocaria milhões de quotes aqui, dá vontade de citar cada página, mas enfim, não quero estragar a leitura de vocês.
logo atrás de nós, o pobre Neil Berkson estava de queixo caído, chocados com os pocedimentos. eu não sabia como eram os enterros judaicos, mas tinha certeza de que não incluiam tombamento de caixão. (p. 307)
Bom, sobre a diagramação e revisão só tenho a agradecer à Novo Conceito. Nenhum erro de digitação encontrado. Amo quando acontece isso! hahaha O papel de miolo não sei qual foi utilizado, as folhas são amareladas, então só tenho a agradecer mais uma vez! Quanto à capa.. bom, não preciso dizer de novo que é de longe a minha capa preferida, preciso? Então tá. rs

Por favor, leiam esse livro! 

beijos, beijos 

7 comentários

  1. Eu não sei qual é a dessa capa, mas acho ela assustadora kkkkkkk'

    Gosto das suas resenhas Kelly, sempre fico com uma vontade enorme de ler os livros que você fala por aqui, se continuar assim vou a falencia! kkkkkkkk

    Achei muito interessante o livro ser narrado por uma criança, nunca li um livro assim, deve ter sido difícil para o autor escrever ^^

    ResponderExcluir
  2. É facílimo reconhecer uma escritora nata.
    Olha como você consegue escrever quase um livro falando de outro livro. E aposto que convence muitas pessoas a gostarem de um livro apenas pelo que fala sobre ele. :b você é ótima.
    Beijos amiga ♥

    ResponderExcluir
  3. a capa desse livro é linda e com certeza também compraria só por ela rs. Ainda não tinha ouvido falar sobre esse livro, mas pela sua resenha fiquei com muita vontade de lê-lo.
    ele já entrou para minha "listinha de leitura"
    bjs chuchu!

    ResponderExcluir
  4. Hey :)
    Gostei da resenha ein?
    Eu só conhecia a capa mas nunca tinha visto alguém citar o livro >.<

    Cadê você me chamando de Sérgio?
    Saudades de você >.<

    Beijos
    Rimas Do Preto

    ResponderExcluir
  5. Mente quem diz que não comprou um livro pela capa não? Pois é eu não tava afim de ler pois achei que era uma história muito triste mas lendo sua resenha não seinti isso sabe? Adorei.

    Bjs
    http://partesdeumdiario.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Kelly!!

    Eu já escrevi isso hoje e vou escrever de novo: hoje é o dia das resenhas maravilhosas, de ser cativada tanto por ela que um livro que teoricamente não seria uma opção de leitura, se torne necessário! hahaha
    Guriaaaa, já vi muitas resenhas desse livro, mas nenhuma delas despertou meu interesse em ler como a sua fez!
    QUERO MUUUUUUITOOO! Fiquei curiosa e louca para ler!

    Obrigada Kelly!!
    Desculpe o sumiço! Não sei se já te disse isso, mas ADORO seu blog! :D

    Beijão
    Pri
    Baú de Histórias

    ResponderExcluir
  7. Kelly =( sumiu, nunca mnais me visitou ¬¬ super saudades de ti minina =)

    Esse é um livro que não me chama atenção, nem pela capa que acho bem feinha rsrrss Mas como já falaram antes, um livro seu seria beeem melhor rsrrs

    Bjinhos

    ResponderExcluir

Olá, queridos! Muito obrigada pela visita!

Seu comentário será sempre retribuído, desde que ele não seja ofensivo ou contenha apenas propaganda. Não custa ler a postagem antes de dar sua opinião, custa? Se custar, me fale o preço e eu vou analisar bem se sua visita vale o que você tá pedindo. rs

No mais é isso, me sigam e eu sigo de volta. ^^

beijos, beijos

Topo